PREFEITO DE COALIZÃO: ANÁLISE DOS EFEITOS NA ESFERA LOCAL

Autores

  • Daniela Arguilar Camargo Universidade de Santa Cruz do Sul - UNISC
  • Ricardo Hermany Universidade de Santa Cruz do Sul - UNISC

DOI:

https://doi.org/10.25192/issn.1982-0496.rdfd.v22i3909

Palavras-chave:

Coalizões, Espaço Local, Prefeito

Resumo

As coalizões governamentais são formadas e alteradas pelos chefes do Executivo, onde a procura pela formação de um governo que visa aumentar o apoio na legislatura é fortemente evidenciada, fazendo-se necessário uma coordenação excelente entre Executivo e Legislativo para que isso ocorra. Assim, em um sistema presidencialista de coalizão,       que é infiltrado em um modelo consensual, onde as reformas políticas passam por uma negociação, acordos e alianças entre partidos políticos são realizados na busca por um objetivo específico. Assim, o artigo objetiva a partir da estratégica metodológica dedutiva e bibliográfica, a análise desses fatores no espaço local, demonstrando que as coalizões no presidencialismo também ocorrem em âmbito local, apontando aspectos positivos, no que diz respeito aos benefícios para a população e negativos quando estas são deixadas para segundo plano, pois esse sistema tem um papel mais estratégico para os partidos e seus atores do que para a sociedade.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Daniela Arguilar Camargo, Universidade de Santa Cruz do Sul - UNISC

Mestranda em Direitos Sociais e Políticas Públicas pelo Programa de Pós Graduação em Direito Mestrado e Doutorado da Universidade de Santa Cruz do Sul - Conceito Capes 5, na linha de pesquisa Políticas Públicas de Inclusão Social; e Pós Graduanda em Direito Tributário e em Planejamento Tributário pela Escola Superior da Magistratura Federal e Universidade do Norte do Paraná. Integrante Sub-Grupo de Pesquisa Gestão Local e Políticas Públicas (CNPQ) coordenado pelo professor Ricardo Hermany. Email: danielacamargo68@gmail.com

Ricardo Hermany, Universidade de Santa Cruz do Sul - UNISC

Doutor em Direito pela Unisinos com estágio de doutoramento na Universidade de Lisboa. Com pós-
doutorado em Direito pela Universidade de Lisboa – bolsa Cnpq. Professor permanente do Programa de Pós-
Graduação em Direito da UNISC – Mestrado e Doutorado. Professor da Graduação da UNISC e da FEMA – Santa
Rosa. Advogado. E-mail: hermany@unisc.br

Referências

ABRANCHES, Sergio. Presidencialismo de coalizão: o dilema institucional brasileiro. Revista de Ciências Sociais. Ed. 31 p . 5-34. 1998.

CHEIBUB, J. A.; PRZEWORSKI, A.; SAIEGH, S. Government coalitions and legislative success under parliamentarism and presidentialism. British Journal of Political Science, 34, p. 565-87. 2004.

GAMSON, W A. A theory of coalition formation. American sociological review, justor. P. 373-382, 1961.

FIGUEIREDO, Argelina Cheibub. Coalizões governamentais na democracia brasileiraI. Disponível em: <http://www.revistas.usp.br/primeirosestudos/article/viewFile/52546/56512>. Acesso em: 23 de jul. 2016.

GARCIA, Joice Godoi. Executivo e legislativo no âmbito municipal: A formação de gabinetes no município de São Paulo (1989-2012). Disponível em: <http://bibliotecadigital.fgv.br/dspace/bitstream/handle/10438/10655/Disserta%C3%A7%C3%A3o%20Mestrado_Joice%20Godoi%20Garcia.pdf?sequence=1>. Acesso em: 23 de jul. 2016.

JONES, M P. Electoral laws and the survival of presidential democracies. University of Notre Dame Press Notre Dame, 1995.

LAMOUNIER, Bolívar. A Opção Parlamentarista. São Paulo: Editora Sumaré, 1991.

MAINWARING, SCOTT; SHUGART, MATTHEW. Presidentialism and Democracy in Latin America. Cambridge: Cambridge University Press, 1997.

MEIRELES, Fernando. Coalizões governamentais sobredimensionadas na américa latina 1979-2012. Disponível em: <https://www.lume.ufrgs.br/bitstream/handle/10183/114429/000953472.pdf?sequence=1>. Acesso em: 20 de jul. 2016.

MÜLLER, W.; STRØM, K. Coalition governments in Western Europe. London, Oxford University Press. 2000.

NETO, Amorin Octávio. The Puzzle of Party Discipline in Brazil. Latin American Politics and Society 44, no. 1. 127-144, 2002.

PASQUARELLI, Bruno Vicente Lippe. Formação de coalizões e apoio partidário no presidencialismo brasileiro e chileno. Disponível em: <http://www.anpocs.org/portal/index.php?option=com_docman&task=doc_view&gid=1575&Itemid=350>. Acesso em: 21 de jul. 2016.

Downloads

Publicado

08/12/2017